Fundação Padre Anchieta

Custeada por dotações orçamentárias legalmente estabelecidas e recursos próprios obtidos junto à iniciativa privada, a Fundação Padre Anchieta mantém uma emissora de televisão de sinal aberto, a TV Cultura; uma emissora de TV a cabo por assinatura, a TV Rá-Tim-Bum; e duas emissoras de rádio: a Cultura AM e a Cultura FM.

CENTRO PAULISTA DE RÁDIO E TV EDUCATIVAS

Rua Cenno Sbrighi, 378 - Caixa Postal 66.028 CEP 05036-900
São Paulo/SP - Tel: (11) 2182.3000

Televisão

Rádio

Alexander Hassenstein/Getty Images
Alexander Hassenstein/Getty Images

A Netflix anunciou, nesta sexta-feira (30), a produção do documentário sobre Michael Schumacher, heptacampeão de Fórmula 1. O lançamento está marcado para o dia 15 de setembro na plataforma de streaming.

Intitulado como “Schumacher”, a produção terá depoimentos de Corinna Schumacher, esposa do piloto, e seus filhos Gina e Mick, atual piloto da Haas na principal categoria do automobilismo, e de seu irmão, Ralf.

Além da participação da família, o longa também terá a participação de vários nomes da Fórmula 1, como Jean Todt, Bernie Ecclestone, Luca di Montezemolo, Flavio Briatore, Sebastian Vettel, Mika Hakkinen, Damon Hill e David Coulthard.

O filme foi produzido pela B|14 FILM GmbH, e tem a direção de Hanns-Bruno Kammertons, Vanessa Nöcker e Michael Wech. É a mesma produtora do documentário de 2017 sobre o tênis Boris Becker, chamado Der Spieler.

Leia também: Jimmie Johnson cogita temporada completa, mas garante Kanaan nos ovais em 2022

O documentário será lançando quase oito anos depois de seu acidente. Em dezembro de 2013, o alemão sofreu uma queda na estação de esqui em Méribel, na França. Ele teve um trauma grave ao bater a cabeça em uma pedra.

Desde então, a família não divulga informações sobre seu estado de saúde. As poucas informações divulgadas pela equipe do piloto é que vive em casa e ainda vive lutando pela vida.

Assista ao Roda Viva com Ayrton Senna: