Fundação Padre Anchieta

Custeada por dotações orçamentárias legalmente estabelecidas e recursos próprios obtidos junto à iniciativa privada, a Fundação Padre Anchieta mantém uma emissora de televisão de sinal aberto, a TV Cultura; uma emissora de TV a cabo por assinatura, a TV Rá-Tim-Bum; e duas emissoras de rádio: a Cultura AM e a Cultura FM.

CENTRO PAULISTA DE RÁDIO E TV EDUCATIVAS

Rua Cenno Sbrighi, 378 - Caixa Postal 66.028 CEP 05036-900
São Paulo/SP - Tel: (11) 2182.3000

Televisão

Rádio

Reprodução/Facebook Cristiano Ronaldo
Reprodução/Facebook Cristiano Ronaldo

O Manchester United (ING) apresentou nesta sexta-feira (3) Ralf Rangnick como seu novo treinador. Em sua primeira fala no comando técnico do clube, o alemão disse que nunca viu um jogador tão bem condicionado como Cristiano Ronaldo.

“Na idade dele, nunca vi um jogador em tão boa forma. O que vi de Cristiano Ronaldo é que ele está mais do que comprometido pelo time. Ele ainda é um jogador que pode facilmente fazer a diferença. Você sempre deve adaptar o seu estilo ou ideias aos jogadores que tem, não o contrário”, afirmou o técnico.

Rangnick destaca que gostou de “assisti-lo (CR7) ontem à noite, especialmente no segundo tempo quando fez a diferença”. O treinador chega aos Red Devils para substituir Michael Carrick, que comandou o elenco após a demissão de Ole Gunnar Solskjaer.

Leia mais: Festa dos torcedores atleticanos após bicampeonato brasileiro deixa diversos feridos

Douglas Costa se irrita com comentários de torcedores: “Vão tomar no c* de todos vocês”

Após a partida contra o Arsenal, o gajo também comentou sobre o novo comandante: “Agora é hora de dar as boas-vindas ao Sr. Ralf Rangnick ao volante... Vamos começar!

Em sua apresentação, o alemão apontou que precisa organizar o time, a começar pela defesa. “É óbvio que o time tem talento e experiência. O desafio é trazer mais equilíbrio à equipe. Mesmo contra o Arsenal foram necessários três gols para vencer. A média de gols sofridos é de quase dois por partida, algo demais”, declarou.

Ele concluiu que “se um clube como o Manchester United te procura, você simplesmente não pode recusar. "