Fundação Padre Anchieta

Custeada por dotações orçamentárias legalmente estabelecidas e recursos próprios obtidos junto à iniciativa privada, a Fundação Padre Anchieta mantém uma emissora de televisão de sinal aberto, a TV Cultura; uma emissora de TV a cabo por assinatura, a TV Rá-Tim-Bum; e duas emissoras de rádio: a Cultura AM e a Cultura FM.

CENTRO PAULISTA DE RÁDIO E TV EDUCATIVAS

Rua Cenno Sbrighi, 378 - Caixa Postal 66.028 CEP 05036-900
São Paulo/SP - Tel: (11) 2182.3000

Televisão

Rádio

Grade de Programação

Sábado, 19 de Setembro

AS AVENTURAS DO RICHARD NO PARANÁ

AS AVENTURAS DO RICHARD NO PARANÁ - 6

As Aventuras de Richard no Paraná seguem no litoral e desembarcam na Ilha do Mel, um dos mais belos pontos turísticos do estado. Veja como os nativos da região cultivam ostras e também a visita a Fortaleza de Nossa Senhora dos Prazeres, Patrimônio Histórico tombado, e também a Estrada da Graciosa, que faz parte da Serra do Mar.
livre
Sésamo

SÉSAMO - 17

BLOCO 1 ABERTURA (ENTREGA DELICIOSA)-01:00:39:00 - 01:02:20:14 Come-Come encontra uma pilha de biscoitos e come metade dela. Um entregador chega e fica chateado quando vê que sua entrega foi devorada. Come-Come pede desculpas e se propõe a achar uma solução para o problema. Os dois acabam descobrindo que a entrega pertence ao próprio Come-Come que termina de devorar tudo. AS GRANDES AVENTURAS DE ENIO & BETO (AMAZING FROG)-01:02:20:15 - 01:07:20:29 Ênio e Beto estão em uma feira, onde Ênio está treinando Froggy para a grande competição de salto. Mas Froggy não é uma atleta muito atenta. Ela não para de se distrair com as coisas. Ênio e Beto têm de descobrir como fazer com que ela se concentre, para que consiga ganhar a competição. HISTÓRIA CENTRAL (ADORO GANHAR – HC 116)- 01:07:20:30 - 01:09:42:01 Grover está feliz, dançando e comemorando, dizendo que “adora ganhar”. Elmo chega e pergunta para Grover como foi o campeonato de futebol. Grover diz que perdeu todos os jogos. Elmo pergunta por que Grover está tão feliz. Grover diz que ganhou vários novos amigos. Alguns deles aparecem na vila, no final. MIGALHAS PICTURES (BISCOITÊ KID)-01:09:42:02 - 01:14:38:02 Biscoitê Kid tem dificuldade no karatê, até ele aprender a se manter concentrado (com todo o seu corpo) e, assim, conquistar o cinto de biscoitos branco e preto. BLOCO 2 CELEBRIDADE (EMICIDA RESPEITO)- 01:14:57:10 - 01:15:59:26 Emicida pergunta para o Elmo se ele sabe como nós podemos demonstrar respeito pelas pessoas. Ele pensa e começa a dar vários exemplos enquanto o Emicida tenta falar. Emicida interrompe o Elmo para dizer que ouvir quando os outros querem falar também é uma demonstração de respeito. QUADRO EXTRA (FEIRA ECONÔMICA -EP.25)- 01:15:59:27 - 01:18:27:06 Elmo, Lily e Mae estão na feira, e Elmo tem as suas moedinhas para comprar as frutas de que mais gosta. Ele vê frutas em duas barracas; Mae diz que há preços diferentes e que ele deve escolher as que custam menos. Elmo e Lily participam do “Desafio do Elmo”, comandado por Grover, e escolhem as frutas mais baratas; Elmo guarda as moedas que economizou em um cofrinho. MUNDO DE ELMO (ESCOLA)-01:18:27:07 - 01:24:56:09 Elmo e seus amigos descobrem o que se faz na escola. ENCERRAMENTO (BEL NÃO SENTE FRIO)- 01:24:56:10 - 01:26:21:02 Elmo está todo agasalhado porque está frio. Bel chega para brincar, mas diz que não quis colocar uma blusa, pois nem está tão frio. Ela então percebe que está frio, pensa melhor e volta em casa para colocar uma blusa. Quando volta, ela está estufada de tantas blusas que colocou. Elmo chuta uma bola, mas ela nem consegue defender. Ela então conclui que se tivesse pensado melhor, não teria vestido tantas blusas.
Conheça o Programa
livre
MONSTROS EM REDE

MENSAGEM PARA O PANCHO

PANCHO ACABA NO HOSPITAL COM UM PÉ QUEBRADO DEPOIS DE ANDAR E MEXER NO CELULAR AO MESMO TEMPO. ELE FICA MUITO TRISTE AO SABER QUE NINGUÉM PODE VISITÁ-LO, MAS SEUS AMIGOS TÊM UMA SURPRESA ESPECIAL PARA ELE.
livre
MONSTROS EM REDE

MENSAGEM PARA O PANCHO

PANCHO ACABA NO HOSPITAL COM UM PÉ QUEBRADO DEPOIS DE ANDAR E MEXER NO CELULAR AO MESMO TEMPO. ELE FICA MUITO TRISTE AO SABER QUE NINGUÉM PODE VISITÁ-LO, MAS SEUS AMIGOS TÊM UMA SURPRESA ESPECIAL PARA ELE.
livre
Cocoricó

COCORICO III - 57 - CONFUSÕES NO RÁDIO

O rádio-gravador do paiol está com defeito e dispara sozinho. Lola, Zazá e Mimosa gravam frases que começam a disparar sozinhas. Júlio, Oriba, Caco e Lilica acham que suas amigas estão presas dentro do rádio. Dito e Feito temtam bolar um plano para pegarem o rádio pra eles.
Conheça o Programa
livre
BRINQUEDONAUTAS

BRINQUEDONAUTAS - 12 - FANTASIA DE FOLHAS

Os Brinquedonautas brincam de adivinhar mímica e Gui nunca acerta. Quando chegam na aldeia Tembé-Tenetehara descobrem que as crianças fazem incríveis fantasias com folhas! Os brinquedonautas entram na brincadeira fazendo cada um uma fantasia que o outro tem que adivinhar!
livre
BRINQUEDONAUTAS

BRINQUEDONAUTAS - 12 - FANTASIA DE FOLHAS

Os Brinquedonautas brincam de adivinhar mímica e Gui nunca acerta. Quando chegam na aldeia Tembé-Tenetehara descobrem que as crianças fazem incríveis fantasias com folhas! Os brinquedonautas entram na brincadeira fazendo cada um uma fantasia que o outro tem que adivinhar!
livre
Molang

MOLANG - 08 A SURPRESA / O BRECHÓ

A surpresa O carteiro entregou uma enorme encomenda. Intrigado, Molang quer abri-lo, mas Piu Piu diz que não. É uma surpresa! Molang tem que ser paciente e esperar por seus amigos. Consumido pela curiosidade, Molang usa truques espertos para descobrir o que há dentro do pacote antes que seus amigos cheguem. O brechó Há um mercado de segunda mão na rua. Molang considera a ocasião perfeita para barganhar. Piu Piu discorda: é uma chance de ganhar espaço, porque a casa está cheia de bugigangas. Molang e Piu Piu tomam a decisão de concorrer no brechó.
Conheça o Programa
livre
Molang

MOLANG - 08 A SURPRESA / O BRECHÓ

A surpresa O carteiro entregou uma enorme encomenda. Intrigado, Molang quer abri-lo, mas Piu Piu diz que não. É uma surpresa! Molang tem que ser paciente e esperar por seus amigos. Consumido pela curiosidade, Molang usa truques espertos para descobrir o que há dentro do pacote antes que seus amigos cheguem. O brechó Há um mercado de segunda mão na rua. Molang considera a ocasião perfeita para barganhar. Piu Piu discorda: é uma chance de ganhar espaço, porque a casa está cheia de bugigangas. Molang e Piu Piu tomam a decisão de concorrer no brechó.
Conheça o Programa
livre
Porto Papel

07 - TELETRANSPORTILDE

MATILDE RESOLVE FAZER UM PIQUENIQUE NO BOSQUE COM SEUS AMIGOS, MAS SEUS PLANOS VÃO POR ÁGUA ABAIXO QUANDO CHEFE HAROLDO CONVOCA AS CRIANÇAS PARA UMA PALESTRA SOBRE PROFISSÕES. MATILDE E CARLOS ACOMPANHAM O POLICIAL EM UM DIA DE TRABALHO, MAS TODAS AS VEZES QUE MATILDE SENTE FOME ELA SE TELETRANSPORTA PARA O BOSQUE DA CIDADE. CHEFE HAROLDO FICA DESCONFIADO DO COMPORTAMENTO DE MATILDE E PODE DESCOBRIR A VERDADE SOBRE SEUS PODERES.
Conheça o Programa
livre
DJ CÃO E A LOJA DE DISCOS

EP. 12 - YELLOW P - SISTEMA SOUND SYSTEM E DUB

Sinopse programa: Dj Cão e a Loja de Discos - 1º temporada Target: 07 a 11 anos 13 epsódios Produção TV Rá Tim Bum! Série em live action, muppets e animação 2D DJ Cão é um Bigou pré-adolescente, que curte música! Um aprendiz de Dj que gosta de ouvir, pesquisar e fazer música. Adora descobrir novos estilos, artistas, tecnologias e curiosidades do meio musical, enfim... Tudo que envolve o som! Ele tem um tio muito descolado, o Tio Pug Vinil, que DJ Cão admira, ainda mais porque o tio tem uma loja de discos, a Caninus Records! Nas férias DJ Cão irá passar os dias ajudando o tio na loja, e essa loja é muito bem frequentada, só cola o biscoito fino da música! E é aí que o DJ Cão conhece muita gente interessante e aprende mil histórias que ele nunca sequer imaginou. Episódio 12 – Yellow P – Sistema Sound System e dub Yellow P está ajudando DJ Cão com um projeto de sound system para o movimento de cultura do reggae da escola. O convidado fala sobre sua história e de sua relação com o reggae. Explica que o dub é uma técnica de mixagem desse ritmo com ênfase no baixo e na bateria. Yellow P conta as lendas de como teria surgido essa versão somente instrumental, citando as experimentações dos técnicos de som. Eles filosofam sobre as mensagens edificantes que o reggae traz e Yellow P logo coloca um disco com esse ritmo para tocar, fazendo DJ Cão viajar. Os dois se despedem com a promessa de se encontrarem na festa da escola. Perfil: Fabio Murakami, ou Yellow P, desde pequeno escutava reggae através das fitas K7 de seu irmão. Quando a tia namorava o baixista de um cantor jamaicano, começou a frequentar os bastidores dos shows, sempre curtindo e observando. Ainda jovem, começou a discotecar com CDs. Yellow P é pioneiro da cultura sound system em São Paulo. Inspirado nos sistemas de som clássicos na Jamaica, ele fundou o Dubversão Sistema de Som em 2001, promovendo festas de eletrônico e reggae, ritmo que pesquisa há mais de 19 anos. Mantém em São Paulo a pioneira e resistente noite JAVA, dedicada exclusivamente ao ritmo jamaicano e suas versões instrumentais (dub). Yellow P e seu sistema dividiram dancehalls e produções com artistas como Aisha, Adrian Sherwood e U Roy. Em seu trabalho como produtor, já remixou Nação Zumbi, Curumim, Céu e Victor Rice. É por conta de todo esse conhecimento que DJ Cão vai atrás de Yellow P, pedindo ajuda para o sound system do movimento de cultura do reggae que ele e seus amigos pretendem promover na escola.
livre
Boris e Rufus

UM SEQUESTRO PARA CHAMAR DE SEU

YUKO DESAPARECE MISTERIOSAMENTE. BORIS E RUFUS SUSPEITAM DE LEOPOLDO E CONTRATAM POMBO, UM DETETIVE PARTICULAR, PARA RESOLVER O ENIGMA. EM VEZ DE SOLUCIONAR O PROBLEMA, POMBO TORNA AS COISAS AINDA MAIS COMPLICADAS.
Conheça o Programa
livre
Os Under-Undergrounds

REVERBERAÇÃO

Os Under-Undergrounds assistem a um documentário sobre a Reverberação, a banda mais famosa do mundo Underground. No final da entrevista Kurt, o baixista da banda, revela que conhece a Terra e Heitor vê nisso uma nova chance de voltar para casa.
Conheça o Programa
livre
Mackenzie em Movimento

MACKENZIE EM MOVIMENTO - 97

O brasileiro já tem o costume de se automedicar, um hábito que traz diversos riscos. E que se tornam ainda mais graves quando se trata de combater a Covid19. É o que a gente vai mostrar na primeira matéria do Mackenzie em Movimento desta semana. Na matéria você também vai ver algumas dicas úteis pra se proteger contra as fake news que circulam por aí divulgando informações falsas sobre tratamentos de saúde. Depois tem uma matéria que mostra como o serviço de drive-thru está sendo adaptado para atender diferentes públicos durante a pandemia.
Conheça o Programa
livre
TERRITÓRIO DO BRINCAR

BIORRA

Biorra é um fruto que só macaco e pássaro comem. A primeira vista parece um abacate verde novinho. A vareta tem que ser reta, é o eixo do pião. Fazer o pião não parar de rodar é o grande desafio dessa brincadeira.
livre
O Diário de Mika

CIÚMES DO DANIEL

EP07 - CIÚMES DO DANIEL - Mika entra triste em seu quarto e conta a seus amigos que seus pais não a amam mais depois que seu irmãozinho nasceu. Durante sua "fuga" com Lilá para a casa da avó, Mika faz reflexões e descobertas.
Conheça o Programa
livre
O Show da Luna!

EP. 22 - DOCES FRUTAS

GEORGE ESTÁ AJUDANDO LUNA, JÚPITER E CLÁUDIO A COLHER LARANJAS NO POMAR. JÚPITER QUER EXPERIMENTAR UMA LARANJA VERDE QUE AINDA NÃO AMADURECEU E FICA SURPRESO DE COMO ELA É AZEDA. ISSO DEIXA A TODOS SE PERGUNTANDO: POR QUE A FRUTA É DOCE?
Conheça o Programa
livre
Vivi Viravento

VIVI VIRAVENTO - 21

Em Fernando de Noronha, Vivi, Mochilão e Lanterninha conhecem Flash, uma máquina fotográfica repórter muito bagunceira, que não consegue encontrar o carregador de sua bateria. Vivi e sua turma querem ajudá-la, mas o quiosque de Flash é tão bagunçado, que encontrar algo ali é uma missão quase impossível.
Conheça o Programa
livre
O Show da Luna!

EP. 22 - DOCES FRUTAS

GEORGE ESTÁ AJUDANDO LUNA, JÚPITER E CLÁUDIO A COLHER LARANJAS NO POMAR. JÚPITER QUER EXPERIMENTAR UMA LARANJA VERDE QUE AINDA NÃO AMADURECEU E FICA SURPRESO DE COMO ELA É AZEDA. ISSO DEIXA A TODOS SE PERGUNTANDO: POR QUE A FRUTA É DOCE?
Conheça o Programa
livre
Chocolix

13 - O TESOURO DE BARBA CHOCO - PARTE 2

A AVÓ DE CARAMELO CONTA PARA ELA E SEUS AMIGOS CHOCOLYNE, CHOCOMARK E MAX, A LENDA DO PIRATA BARBA CHOCO, QUE ENTERRARA UM VALIOSO TESOURO EM ALGUM CANTO DO REINO DA CHOCOLÂNDIA , COLOCANDO VÁRIAS ARMADILHAS PARA QUE NINGUÉM FOSSE CAPAZ DE ENCONTRÁ-LO. APÓS OUVIREM A HISTÓRIA, AS CRIANÇAS SE EMPOLGAM COM A IDEIA DE PROCURAR O TESOURO. DURANTE A BUSCA, ELAS ACABAM ESCORREGANDO EM UM PROFUNDO BURACO ONDE FINALMENTE SE DEPARAM COM O TESOURO, MAS NÃO CONSEGUEM SAIR. PREOCUPADOS COM A DEMORA DE SEUS FILHOS OS PAIS DAS CRIANÇAS SAEM À PROCURA DELAS. DOCE COOKIE , USANDO SEU FARO, ENCONTRA AS CRIANÇAS E É ELEITA A HEROÍNA DA HISTÓRIA. PARTE DO TESOURO ENCONTRADO É USADA PARA CONSTRUIR UMA BIBLIOTECA INFANTIL E UMA RODA GIGANTE NA PRAÇA DE CHOCOLÂNDIA.
Conheça o Programa
livre
YOGA COM HISTÓRIAS

PGM 10 - O MENINO GANESHA

livre
RICKY ZOOM I

EP. 23 - A JUSTIÇA EM DUAS RODAS

O OFICIAL BUNKER CONVIDA RICKY E OS MOTO-AMIGOS PARA UM DIA DE TRABALHO AO SEU LADO.
livre
REV & ROLL

EP. 23 - UM PRESENTE PARA MOLLY

REV PRECISA ENCONTRAR UM PRESENTE DE ANIVERSÁRIO PARA SUA MÃE, MAS TODA A CIDADE ESTÁ FECHADA PARA O DIA DA LAMA — O DIA FAVORITO DE TODOS NO ANO!
livre
Bubu e as Corujinhas

UMA AMIGA LISTRADINHA

Bubu e Bonie estão colhendo amoras e têm a ideia de convidar Biel para brincar. Biel diz não às investidas das irmãs, que decidem investigar o porquê da recusa. Bubu e Bonie seguem Biel escondidas, quando ouvem ele conversando com a lagartinha listradinha. As duas vão à caça da lagarta no esconderijo de Biel e não encontram nenhuma lagartinha listradinha, mas descobrem uma “casinha” de borboleta. Biel as surpreende em seu esconderijo, explicando que estava realizando um experimento científico: a sua amiga lagartinha era um ovinho, e depois fez uma “casinha” e foi dormir. De repente, a casinha começa a se mexer e, de dentro, sai uma borboleta, que explica o processo da metamorfose. Papai Coruja assobia e o trio voa para casa com as borboletas, onde ele fala sobre o quão legal é podermos dividir o que descobrimos e aprendemos. Mamãe encerra a noite cantando a canção “Transformação”.
Conheça o Programa
livre
Galinha Pintadinha Mini

GALINHA PINTADINHA MINI - A BIBLIOTECA DE TRÊS ANDARES - 07

A Biblioteca de 3 Andares / Ovo Surpresa (Livro) / O Jogo do Amor / Forma da Forma (Círculo) / Pintura Mágica (Marcha Soldado) A Biblioteca de Três Andares Num dia de chuva, a família vai para a biblioteca. As 3 galinhas são bibliotecárias, cada uma cuida de um dos 3 andares. Eles se interessam por gêneros diferentes de livros mas, ao final, a família toda lê reunida. O Jogo do Amor Para entregar flores a sua amada, o sapinho precisa atravessar uma rua movimentada e um rio cheio de toras, como num antigo videogame.
Conheça o Programa
livre
Cocoricó

COCORICO III - 57 - CONFUSÕES NO RÁDIO

O rádio-gravador do paiol está com defeito e dispara sozinho. Lola, Zazá e Mimosa gravam frases que começam a disparar sozinhas. Júlio, Oriba, Caco e Lilica acham que suas amigas estão presas dentro do rádio. Dito e Feito temtam bolar um plano para pegarem o rádio pra eles.
Conheça o Programa
livre
Quintal da Cultura

QUINTAL DA CULTURA VI - PGM - COM QUE ROUPA EU VOU

QUINTAL DA CULTURA VI - PGM COM QUE ROUPA EU VOU? (HQ 133) Minhoquias, Doroteia e Ofélia resolvem começar juntas um ateliê de vestidos para Minhocas! O que começa como uma brincadeira, termina tomando proporções inesperadas, e Minhoquias terá que aprender a dividir o sucesso da marca. Personagens: OFÉLIA, DOROTEIA, MINHOQUIAS, LUDOVICO Roteiro: Radhi Meron
Conheça o Programa
livre
Quintal da Cultura

QUINTAL DA CULTURA VI - PGM - COM QUE ROUPA EU VOU

QUINTAL DA CULTURA VI - PGM COM QUE ROUPA EU VOU? (HQ 133) Minhoquias, Doroteia e Ofélia resolvem começar juntas um ateliê de vestidos para Minhocas! O que começa como uma brincadeira, termina tomando proporções inesperadas, e Minhoquias terá que aprender a dividir o sucesso da marca. Personagens: OFÉLIA, DOROTEIA, MINHOQUIAS, LUDOVICO Roteiro: Radhi Meron
Conheça o Programa
livre
Quintal da Cultura

QUINTAL VI - PGM 16 - CONT.HISTORIAS 2020 - CHAVEIROEIRO - NYANGARA CHENNA

QUINTAL DA CULTURA VI – CONTAÇÃO DE HISTÓRIAS CHAVEIROEIRO – NYANGARA CHENA Doroteia e Ludovico recebem a Cia Chaveiroeiro com a história africana contada por Mafuane Oliveira e musicada por Rafael Galante : Nyangara Chena . Não percam essa lenda que veio lá do Zimbábue e brotou aqui no nosso Quintal!
Conheça o Programa
livre
Quintal da Cultura

QUINTAL VI - PGM 16 - CONT.HISTORIAS 2020 - CHAVEIROEIRO - NYANGARA CHENNA

QUINTAL DA CULTURA VI – CONTAÇÃO DE HISTÓRIAS CHAVEIROEIRO – NYANGARA CHENA Doroteia e Ludovico recebem a Cia Chaveiroeiro com a história africana contada por Mafuane Oliveira e musicada por Rafael Galante : Nyangara Chena . Não percam essa lenda que veio lá do Zimbábue e brotou aqui no nosso Quintal!
Conheça o Programa
livre
Quintal da Cultura

QUINTAL DA CULTURA VI - PGM - NÃO CONCORDO

QUINTAL DA CULTURA VI - PGM NÃO CONCORDO (HQ 152) Depois de uma discussão, Ludovico começa a discordar de tudo o que Doroteia diz. Se ela diz que está calor, ele diz que está frio; Se ela diz que vai chover, ele diz que vai fazer sol... E, assim, levando essa pirraça cada vez mais longe, ele vai acabar se dando mal. Personagens: Ludovico, Doroteia e Ofélia Roteiro: Elton Mattos
Conheça o Programa
livre
Quintal da Cultura

QUINTAL VI - PGM 13 - CONT.HISTORIAS 2020 - MUSIKIDS - CABEÇA DE FLOR

QUINTAL DA CULTURA VI – CONTACAO DE HISTÓRIAS MUSIKIDS – CABEÇA DE FLOR Essa história se passa em uma floresta repleta de fadas. Contação de histórias com o grupo Musikids apresentada por Andréia Celegato e Aline Birk, baseada no livro ‘Cabeça de Flor’ de Cristina Lazaretti . Ludovico e Doroteia ficam encantados.
Conheça o Programa
livre
Turma da Mônica

MUITO SILÊNCIO, POR FAVOR!/ UM SHOW DE PERSEGUIÇÃO

Muito silêncio, por favor!:Para que um artista possa criar uma obra prima, ele necessita de um lugar quieto e de muita inspiração. Era só isso que a Marina estava procurando. Mau sabia ela que com a turminha por perto, sossego é a última coisa que ela vai encontrar. Um show de perseguição: Não perca o Cebolinha dando um show e usando todas as suas habilidades para escapar da fúria da Mônica, que não vai sossegar enquanto não por as suas mãos nele.
Conheça o Programa
livre
Turma da Mônica

MUITA CONFUSÃO PRA UM SÓ MONICÃO!

Mônica tenta ajudar a mãe com as tarefas de casa, mas o Monicão bagunça tudo.
Conheça o Programa
livre
Turma da Mônica

MUITO SILÊNCIO, POR FAVOR!/ UM SHOW DE PERSEGUIÇÃO

Muito silêncio, por favor!:Para que um artista possa criar uma obra prima, ele necessita de um lugar quieto e de muita inspiração. Era só isso que a Marina estava procurando. Mau sabia ela que com a turminha por perto, sossego é a última coisa que ela vai encontrar. Um show de perseguição: Não perca o Cebolinha dando um show e usando todas as suas habilidades para escapar da fúria da Mônica, que não vai sossegar enquanto não por as suas mãos nele.
Conheça o Programa
livre
Shaun, o Carneiro

O SOBRINHO DO FAZENDEIRO

O fazendeiro está machucado, por isso Bitzer está com muito trabalho acumulado. Aparece o sobrinho do fazendeiro e todos imaginam que ele irá colaborar, mas como não consegue deixar o celular de lado, acaba causando muita confusão na fazenda.
Conheça o Programa
livre
Shaun, o Carneiro

TUDO NA PAZ

Depois de passar a noite montando a cama nova ... o fazendeiro ordena que Bitzer garanta o silêncio na fazenda, para que ele possa descansar. Manter a fazenda calma pode não ser uma tarefa tão fácil...
Conheça o Programa
livre
Shaun, o Carneiro

O SOBRINHO DO FAZENDEIRO

O fazendeiro está machucado, por isso Bitzer está com muito trabalho acumulado. Aparece o sobrinho do fazendeiro e todos imaginam que ele irá colaborar, mas como não consegue deixar o celular de lado, acaba causando muita confusão na fazenda.
Conheça o Programa
livre
Tá Certo?

TÁ CERTO? - III - 109 - COM CONVIDADOS HUMANOS

Warley, Tosco, Edmilson Som, Seu Valério e Edwirges recebem um time de roqueiros para jogar.
Conheça o Programa
livre
Tá Certo?

TÁ CERTO? - III - 109 - COM CONVIDADOS HUMANOS

Warley, Tosco, Edmilson Som, Seu Valério e Edwirges recebem um time de roqueiros para jogar.
Conheça o Programa
livre
EXPERIMENTOS EXTRAORDINÁRIOS

02 - EFICIÊNCIA MÁXIMA

QUANDO A TRANSMISSÃO DO PROGRAMA ATRASA CINCO MINUTOS, ÚRSULA FICA POSSESSA. E AMEAÇA: É BOM ISSO NUNCA MAIS ACONTECER, SENÃO… AS CONSEQUÊNCIAS SERÃO TERRÍVEIS. CAMILA, A PRODUTORA, TOMA PARA SI A TAREFA DE AUMENTAR A EFICIÊNCIA DA EQUIPE E COLOCAR O PROGRAMA NO AR NO HORÁRIO CERTO, DEPOIS QUE ÚRSULA PROMETE DAR-LHE SEU TABLET CASO ISSO OCORRA.
livre
Futurando

FUTURANDO - 194

Confira nesta edição do Futurando: - Na Índia, cidades começam a se tornar sustentáveis unindo tradição e tecnologia. O arquiteto Nilanjan Bhowal quer combater a proliferação de casas mal construídas, que prejudicam o clima. Ele projeta edifícios sustentáveis com base em técnicas de construção tradicionais. - Também na Índia, uma fazenda de vacas produz esterco em vez de leite. O objetivo é salvar o gado nativo. - Conheça um projeto que é exemplo na fabricação de roupas com tecidos tradicionais locais e mão de obra de refugiados. - Startup na Tailândia usa palhas de arroz residuais para fazer embalagens biodegradáveis. - Algas, escamas de peixe, repolho e casca de árvores se transformam em luminárias, mesas e cadeiras graças ao talento e a visão ecológica de designers internacionais.
Conheça o Programa
livre
CULTURA & DESIGN

CULTURA & DESIGN - 01: PORCELANA MONTE SIÃO/CASA DE FRANCISCA/CASA TERESA BLANCO/JADER ALMEIDA

Os apresentadores do programa mostram: 1o. bloco - Criação de uma xicara pela empresa Porcelana Monte Sião - Apresentação do café com design 2o. bloco - Casa de Francisca no centro de São Paulo (antigo Palacete Teresa - 1910) - Visita à casa de Teresa Blanco (designer) - Um outro jeito de fazer vaca mole (comida mexicana) 3o. bloco - 3 montagens diferentes para o mesmo ambiente - Depoimento do arquiteto e designer Jader Almeida
livre
TALENTOS

TALENTOS - SEXTA ELIMINATÓRIA

livre
BACHIANA FILARMÔNICA / JOÃO CARLOS MARTINS / BALDINI

livre
Roda Viva

JOSÉ BONIFÁCIO DE OLIVEIRA SOBRINHO (2020)

DOS 70 ANOS DA TV BRASILEIRA, A SEREM COMEMORADOS NESTA SEXTA-FEIRA, DIA 18 DE SETEMBRO, O NOSSO ENTREVISTADO PARTICIPOU DE 68. NÃO COMO COADJUVANTE, MAS COMO PROTAGONISTA. É ELE O GRANDE RESPONSÁVEL PELA CONCEPÇÃO E CONSOLIDAÇÃO DO MODELO DE SUCESSO DA TV ABERTA NO BRASIL. DA TELEDRAMATURGIA AO JORNALISMO, PASSANDO PELO HUMOR, PELOS MUSICAIS E PROGRAMAS DE AUDITÓRIO, NÃO HOUVE ÁREA QUE NÃO TIVESSE SIDO MOLDADA PELO SEU PERFECCIONISMO, QUE RESULTOU NO INTERNACIONALMENTE RECONHECIDO PADRÃO GLOBO DE QUALIDADE. ELE JÁ DEIXOU A EMISSORA DA QUAL FOI O TODO-PODEROSO HÁ MAIS DE 20 ANOS, MAS O LEGADO CONTINUA. E ELE NÃO PAROU DEPOIS DE SE INVENTAR A TV COMO A CONHECEMOS HOJE. DESDE 2003, É SÓCIO DA TV VANGUARDA, AFILIADA DA GLOBO NO VALE DO PARAÍBA. NESTA NOITE TEMOS O PRIVILÉGIO DE ENTREVISTAR UM DOS PAIS FUNDADORES DA TV BRASILEIRA, DETENTOR DE ALGUNS DOS SEUS SEGREDOS MAIS ÍNTIMOS, QUE PRETENDEMOS REVELAR HOJE. VAMOS OLHAR PARA ONTEM E PARA HOJE PARA TENTAR SABER DELE A PERGUNTA DE UM MILHÃO DE DÓLARES: QUAL O FUTURO DESTA SETENTONA? COM VOCÊS, NO CENTRO VIRTUAL DO RODA VIVA, JOSÉ BONIFÁCIO DE OLIVEIRA SOBRINHO, O BONI. PARA ENTREVISTAR O BONI NESTE PROGRAMA ESPECIAL TEMOS A HONRA DE RECEBER ALGUNS NOMES TAMBÉM EMBLEMÁTICOS DA TV E DO JORNALISMO BRASILEIROS. ROBERTO MUYLAERT, JORNALISTA, ESCRITOR E EX-PRESIDENTE DA TV CULTURA MARIA ADELAIDE AMARAL, ESCRITORA E TELEDRAMATURGA TONICO FERREIRA, JORNALISTA, FOI REPÓRTER DA REDE GLOBO POR 37 ANOS JOYCE PASCOWITCH, JORNALISTA E DIRETORA DAS REVISTAS PODER E J.P. E DO SITE GLAMOURAMA E ZECA CAMARGO, JORNALISTA COM PASSAGEM POR VEÍCULOS COMO FOLHA, MTV E GLOBO E HOJE APRESENTADOR E DIRETOR DE PRODUÇÃO DA BAND
Conheça o Programa
livre
Vox Populi

PIETRO MARIA BARDI

PROGRAMA N.155 COM O DIRETOR DO MASP PIETRO MARIA BARDI;PERGUNTA DA DIRETORA DE TV NYDIA LICIA SOBRE O INICIO E O ACERVO DO MUSEU DE ARTE DE SAO PAULO(MASP);PERGUNTA SOBRE EDUCACAO E ARTE;2.PARTE DO PROGRAMA N.155 COM O DIRETOR DO MUSEU DE ARTE DE SAO PAULO(MASP)PIETRO MARIA BARDI;PERGUNTA DO ARTISTA GRAFICO ELIFAS ANDREATO SOBRE A FALTA DE DIVULGACAO DO TRABALHO DOS ARTISTAS GRAFICOS;PERGUNTA SOBRE A SENSIBILIDADE DA ARTE;PERGUNTA SOBRE A RECUSA DE UM PAINEL PINTADO PELO ARTISTA WALDOMIRO DE DEUS;PERGUNTA SOBRE A FALTA DE INCENTIVO A ARTE NO BRASIL; PERGUNTA DO PINTOR DIRCEU CARVALHO SOBRE PINTURA PRIMITIVA;PERGUNTA SOBRE A FALTA DE DIVULGACAO DO TRABALHO FORA DO BRASIL;3.PARTE DO PROGRAMA N.155 COM O DIRETOR DO MUSEU DE ARTE DE SAO PAULO(MASP)PIETRO MARIA BARDI;PERGUNTA SOBRE A MANIPULACAO DE TRABALHOS ARTISTICOS;PERGUNTA SOBRE AS RESTRICOES AOS ESTAGIARIOS DO CURSO DE HISTORIA DA ARTE NO MASP;PERGUNTA SOBRE O ESPACO NO MASP PARA OS ESTUDANTES DIVULGAREM SEUS TRABALHOS;PERGUNTA SOBRE A GRAVACAO DE CENA DA NOVELA CORACAO ALADO DA REDE GLOBO NA PINACOTECA DE SAO PAULO;PERGUNTA SOBRE AS VISITAS AO MASP;PERGUNTA SOBRE ACESSO DO PUBLICO AOS MUSEUS;4.PARTE DO PROGRAMA N.155 COM O DIRETOR DO MUSEU DE ARTE DE SAO PAULO;PERGUNTA SOBRE A CONSTRUCAO DO MASP POR ELE E SUA ESPOSA LINA BO BARDI;PERGUNTA SOBRE AS COLECOES DOS MUSEUS;PERGUNTA SOBRE A VOLTA A ITALIA
Conheça o Programa
10
Vox Populi

PIETRO MARIA BARDI

PROGRAMA N.155 COM O DIRETOR DO MASP PIETRO MARIA BARDI;PERGUNTA DA DIRETORA DE TV NYDIA LICIA SOBRE O INICIO E O ACERVO DO MUSEU DE ARTE DE SAO PAULO(MASP);PERGUNTA SOBRE EDUCACAO E ARTE;2.PARTE DO PROGRAMA N.155 COM O DIRETOR DO MUSEU DE ARTE DE SAO PAULO(MASP)PIETRO MARIA BARDI;PERGUNTA DO ARTISTA GRAFICO ELIFAS ANDREATO SOBRE A FALTA DE DIVULGACAO DO TRABALHO DOS ARTISTAS GRAFICOS;PERGUNTA SOBRE A SENSIBILIDADE DA ARTE;PERGUNTA SOBRE A RECUSA DE UM PAINEL PINTADO PELO ARTISTA WALDOMIRO DE DEUS;PERGUNTA SOBRE A FALTA DE INCENTIVO A ARTE NO BRASIL; PERGUNTA DO PINTOR DIRCEU CARVALHO SOBRE PINTURA PRIMITIVA;PERGUNTA SOBRE A FALTA DE DIVULGACAO DO TRABALHO FORA DO BRASIL;3.PARTE DO PROGRAMA N.155 COM O DIRETOR DO MUSEU DE ARTE DE SAO PAULO(MASP)PIETRO MARIA BARDI;PERGUNTA SOBRE A MANIPULACAO DE TRABALHOS ARTISTICOS;PERGUNTA SOBRE AS RESTRICOES AOS ESTAGIARIOS DO CURSO DE HISTORIA DA ARTE NO MASP;PERGUNTA SOBRE O ESPACO NO MASP PARA OS ESTUDANTES DIVULGAREM SEUS TRABALHOS;PERGUNTA SOBRE A GRAVACAO DE CENA DA NOVELA CORACAO ALADO DA REDE GLOBO NA PINACOTECA DE SAO PAULO;PERGUNTA SOBRE AS VISITAS AO MASP;PERGUNTA SOBRE ACESSO DO PUBLICO AOS MUSEUS;4.PARTE DO PROGRAMA N.155 COM O DIRETOR DO MUSEU DE ARTE DE SAO PAULO;PERGUNTA SOBRE A CONSTRUCAO DO MASP POR ELE E SUA ESPOSA LINA BO BARDI;PERGUNTA SOBRE AS COLECOES DOS MUSEUS;PERGUNTA SOBRE A VOLTA A ITALIA
Conheça o Programa
10
GRANDES CURSOS CULTURA NA TV

O CINEMA CLASSICO NA OTICA DE ALFRED HITCHCOCK - PERGUNTAS E RESPOSTAS

Debate entre o público e o palestrante, Ismail Xavier, sobre a obra e os recursos de linguagem cinematográfica usados por Alfred Hitchcock. Hitchcock é um dos cineastas mais comentados, biografados e reverenciados de todos os tempos. Nos vários episódios da série, Ismail Xavier mostra como Hitch dominava a linguagem e os recursos técnicos que a indústria poderia lhe proporcionar, sempre disposto a brincar com o público (inclusive aparecendo rapidamente em seus filmes). Hitchcock nasceu na Inglaterra, teve uma rígida educação jesuíta e pretendia seu engenheiro, mas acabou, ainda bem jovem, desenhando legendas de filmes mudos numa produtora londrina. Na década de 20, com o cinema ainda numa fase romântica, a diferença entre desenhar legendas e dirigir um filme ainda não era tão grande. Depois de um breve período de aprendizado, como assistente de direção e montador, em 1925 fez seu primeiro filme, nunca concluído, "The pleasure garden", obra ainda medíocre. Em 1926, contudo, já assina "The Lodger", uma história com Jack, o Estripador, demonstrando grande talento. Daí por diante, não parou mais de filmar. Sua "fase inglesa" vai até 1949, quando David Selznick o leva para os Estados Unidos. Em Hollywood, a personalidade reservada de Hitch, pouco afeita a festas e badalações, contribuiu para criar a sua aura de "senhor do suspense e do mistério". Na verdade, o que ele queria era filmar. E filmava como ninguém. Já começou ganhando um Oscar com "Rebecca", e foi afirmando-se como um cineasta capaz de extrair bons filmes até de argumentos fracos. Como sua produção era muito extensa, e sempre no ritmo ditado pelos estúdio, teve momentos de maior ou menor qualidade. Ismail Xavier analisa dois momentos de extrema criatividade, entre outros; Vertigo (um corpo que cai, 1958) e Rear Window (Janela Indiscreta, 1954) O estilo de Hitchcock, que combina realismo na ação, uma certo maneirismo na construção dos personagens e extrema inventividade na narrativa visual (resultante, antes de tudo, de uma decupagem brilhante e sofisticada), já foi muito copiado, mas, como acontece com obras e autores de exceção, não pode servir de paradigma para ninguém.
livre