Fundação Padre Anchieta

Custeada por dotações orçamentárias legalmente estabelecidas e recursos próprios obtidos junto à iniciativa privada, a Fundação Padre Anchieta mantém uma emissora de televisão de sinal aberto, a TV Cultura; uma emissora de TV a cabo por assinatura, a TV Rá-Tim-Bum; e duas emissoras de rádio: a Cultura AM e a Cultura FM.

CENTRO PAULISTA DE RÁDIO E TV EDUCATIVAS

Rua Cenno Sbrighi, 378 - Caixa Postal 66.028 CEP 05036-900
São Paulo/SP - Tel: (11) 2182.3000

Televisão

Rádio

Pixabay
Pixabay

São João é conhecido como o "Santo Festeiro”. Essa festividade faz parte das tradicionais comemorações das festas juninas do país, que são celebrações no mês de junho marcadas por danças, pratos típicos e brincadeiras.

O dia de São João é comemorado em 24 de junho para lembrar o dia em que nasceu João Batista, o profeta que previu o nascimento de Jesus Cristo e faz parte do calendário da Igreja Católica.

No mês de junho também é comemorado o Dia de Santo Antônio, no dia 13, e o Dia de São Pedro, dia 29.

História de São João Batista

São João nasceu no dia 24 de junho, em Israel, na cidade de Aim Karim, situada a seis quilômetros de Jerusalém. Seu pai era sacerdote e chamava-se Zacarias. Sua mãe, conhecida como Santa Isabel, era prima de Santa Maria, mãe de Jesus.

O casal nunca tinha tido filhos. Estudos indicam que, além de idosa, Santa Isabel era estéril. No entanto, um dia, o anjo Gabriel anunciou a Zacarias que eles teriam um filho e ele deveria se chamar João. O acontecimento foi considerado um milagre.

São João é considerado o santo mais próximo de Cristo, pois além de ser seu parente de sangue, Jesus foi batizado por ele nas margens do rio Jordão.

Morte de São João Batista

João é lembrado como o primeiro mártir da Igreja. Segundo o Novo Testamento, o profeta denunciou a vida adúltera do rei Herodes Antipas. O monarca havia se envolvido com sua ex-cunhada, Herodíades.

No aniversário de Herodes, a filha de Herodíades, Salomé, dançou de forma tão surpreendente que, admirado, o rei prometeu dar o que ela quisesse. Salomé, incentivada pela mãe, pediu a cabeça de João Batista em uma bandeja. Antipas, então, ordenou a prisão do santo, que morreu decapitado na cadeia, no dia 29 de agosto.

Festa Junina no Brasil

As festas juninas eram tradições bastante populares em Portugal e Espanha, e os portugueses trouxeram durante a colonização, assim como outras tradições. Inicialmente, a festa era conhecida como ‘Festa Joanina’, em referência a São João, mas, ao longo dos anos, teve o nome alterado para festa junina, por ocorrer em junho.

O crescimento da festividade aconteceu sobretudo no Nordeste. A festa representa a gratidão aos santos pelas chuvas nas lavouras e impulsiona a economia local. As duas maiores festas juninas do Brasil duram 30 dias e são realizadas em Caruaru (PE) e Campina Grande (PB).

Nos estados de Pernambuco, Alagoas e Paraíba, o dia de São João é feriado. Este também é um feriado municipal nas cidades onde o santo é padroeiro e em outras que homenageiam o santo.

GettyImages

Fogueira de São João

Antes do nascimento de São João, Santa Maria perguntou à Isabel como ela saberia do nascimento. Então Santa Isabel disse que, nesse dia, ela acenderia uma grande fogueira para que, de longe, a prima soubesse que o bebê havia vindo ao mundo. Por esse motivo, a fogueira é o símbolo principal do Dia de São João.

Pexels

Leia mais: Cinca penteados de cabelos para Festa JuninaRecife suspende festas juninas e destina recursos para vítimas das chuvas